Degustação de Chás gourmet e estilo de vida.

 
 

08/10/2010

Primavera, amoras e formigas. Não necessariamente nesta ordem...

A Primavera trouxe um belo presente por aqui, que andava uma secura só. Após semanas de poeirão por todos os lados, a chuva veio e parecia que não iria embora tão cedo! Foi uma semana inteira assim, mas hoje o céu se abriu em um lindo azul.

Ao redor de casa tudo está nascendo, os passarinhos estão montando seus ninhos e as formigas também! Ah, as formigas... falando nelas, tivemos duas baixas, uma roseira e a romã. As cortadeiras não perdoaram, carecaram tudo. Mas tenho certeza que logo elas estarão cheias de folhas novamente. O que fiz preventivamente foi fazer uma espécie de barreira com borra de café (como se fosse um forte mesmo, cercando a planta toda). Descobrimos que desta forma, espantamos um pouco as ditas cujas. Mas não é solução definitiva e é bom ficar de olho pois com o tempo, rega, etc. a borra vai desmanchando e é preciso refazer a cerca (e esta novela ainda não acabou, aguardem novidades mais para frente).

O sol forte que fez antes da chuva, ativou a amoreira que herdamos no terreno, e esta se revelou farta, restando a mim começar a saga pela receita perfeita da geléia de amoras.

Geléia de Amora 1

A saga se resumiu em duas tentativas na verdade. Nas fotos vocês podem ver a receita original e antigona que a maioria das avós fazem. Um monte de açúcar e a fruta, simples assim. A minha outra tentativa não fotografada ainda vem depois, em outro post. O que posso dizer das duas é que fruta direto do pé é outra coisa... o sabor fica maravilhoso. Espero que as fotos façam jus!

Geléia de Amora 2

Geléia de amora vai bem com chá preto, e tenho dito!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

4 comentários:

  1. há! a segunda receita é com pectina? :) eu prefiro, porque senão fica tudo muito doce.
    bem, isso é o gosto de alguém cuja furta predileta é grapefruit... (ou aquela laranja vermelha por dentro com meio gosto de limão)
    minha vó é que fica triste quando eu não quero levar os potes das geleias dela

    ResponderExcluir
  2. Oi, Yuri!
    Outra coisa que vc pode fazer com as suas amoras é um vinagrete. Mais ou menos assim:
    Uma parte de vinagre branco para duas partes de azeite, um punhado de amoras frescas e açucar para quebrar a acidez do vinagre. Pode colocar um pouco de mel também. Depois é só usar em saladas, fica muito bom.

    Beijocas!

    ResponderExcluir
  3. Oi, Gustavo! Bom, na verdade esta era a receita com a versão de pectina, hehehe... algumas frutas já possuem alguma, como a amora, e por isso tentei sem adicionar outra fonte externa. Aqui em casa também preferimos a receita mais natural, sem muito açúcar, e por isso a segunda receita, por vir, foi ideal, usando um ingrediente um pouco inusitado. Tirando as fotos já revelo o segredo! :-)

    Oi, Adriana! Muito obrigada pela dica!!! Adorei! Tem essa rede de fast-food de saladas no Rio, não sei se tem em outras cidades, e era bem verdade que eles tinham uma de amora! Ah, mas nem preciso falar que era quase sem gosto algum. Vou tentar a sua! Brigadão!!!

    Abraços e beijos pra todos!

    ResponderExcluir
  4. Fiquei com água na boca... guarda um pote para o cunhado. Ayrton

    ResponderExcluir

INSTAGRAM @chaarteevida

Escola de Chá Embahú

Comentários Recentes

Receba as atualizações por email

Este símbolo indica conteúdo em língua inglesa
♦♦ Este símbolo indica conteúdo em língua francesa
♦♦♦ Este símbolo indica conteúdo em língua japonesa
Este símbolo indica conteúdo em língua espanhola


Arquivo do blog

Siga-me!

InstagramFlickrFacebookFeed RSSFlickrTwitter Feed RSS
 
| Início | Sobre a Autora | Entre em Contato | Escola de Chá Embahú |

Design e Fotos por Yuri Hayashi.
"Chá & Poesia" - Todos os direitos reservados, 2008®, 2009®.
"Chá, Arte e Vida!" - Todos os direitos reservados, de 2010® a 2016®.