Degustação de Chás gourmet e estilo de vida.

 
 

27/11/2010

Novos rebentos da nossa horta

Nos últimos tempos, temos colhido bastante coisa da nossa horta. É muito gratificante plantar, ver a muda crescer, e saber que seu resultado vai ser muito bem-vindo em nosso próprio corpo. Não tem nada mais saboroso do que colher e comer na hora, aprendi isso depois de vir para o campo.

As últimas semanas têm sido de sol forte e chuva intensa, clima típico de verão. Neste momento estamos na entressafra de muitas coisas que plantamos e já comemos, mas eu e meu marido registramos algumas fotos e só faltou publicar aqui para vocês. Vamos ver agora?


Os tomates já se foram e estavam deliciosamente doces (eram tomates italianos). Com a chuva de agora eles estão sofrendo um pouco por causa de doenças como a pinta preta e a requeima. Estes fungos se espalham através do vento e chuva, e isso é o que não falta por aqui!

Physalis...

A foto mostra a primeira Physalis da temporada. A planta está carregada, é a coisa mais linda, parece um monte de sininhos. Seu sabor me lembra a nêspera com um frescor e perfume suave (Ah sim, a fruta está escondida dentro dessa casca que lembra papel, é uma bolinha dourada, na foto dá para ver a sua sombra). O engraçado é encontrar uma bandejinha com meia dúzia delas no mercado por R$10, e eu ter comprado a muda, já produzindo, por R$1.

Brócolis...

Esse brócolis estava muito bom, com um sabor muito vivo e as folhas, macias. Ele sofreu um pouco com os pulgões-verde (e um transplante de lugar) mas agora está de volta, frequentando nossos Missôs em dias de frio!

Beringela

Também transplantamos as beringelas para outro lugar e elas estão indo muito bem. Colhemos uma ontem mas ainda não a experimentamos.

Horta

Esta era nossa antiga estufinha (na frente vocês podem ver as alfaces lisas e as rúculas). Produzimos tanta coisa, e não conseguíamos comer a tempo, que resolvemos adaptá-la ao nosso tamanho, para 2 pessoas. Assim que tiver uma foto nova, mostro para vocês.

Sei que quem mora em cidade grande tem maiores dificuldades para plantar qualquer tipo de coisa, mas um vaso com temperinhos já ajuda bastante e é fácil de se manter. Plantando 5 mudas de salsinha, daqui uns meses você as terá de sobra em sua cozinha (claro, não vale fazer um vinagrete todo dia!).

Para ajudar na inspiração de quem tem vontade de plantar em casa, assista abaixo este vídeo sobre um movimento que acontece em Nova Iorque, pessoas estão plantando em seus quintais e lajes:

 
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

3 comentários:

  1. Oi Querida! Quanto tempo...está linda a horta, imagino o quanto estão curtindo a nova vida. E as escaladas? Eu, infelizmente, esquecida do que é isso. Mas na verdade te escrevo para perguntar sobre Cerveja Artesanal. Queria comprar o kit para um amigo e já vi no blog do Cláudio sobre o assunto...Sabe me informar alguma coisa? Bjos amiga

    ResponderExcluir
  2. Olá Yuri,
    Que ótimo esse encontro! É difícil encontrar gente interessada em chás aqui no Brasil e tb fico feliz em saber sobre o "Chá, Arte e Vida".
    Espero que a gente continue trocando ideias sobre o assunto! Já favoritei seu endereço ;-)

    Ah! E que bela horta, heim?!

    Beijos,
    Hanny

    ResponderExcluir
  3. Oi, Hanny!

    Que muito legal que conseguiu um tempinho para me visitar aqui, muito obrigada! E estou adorando encontrar mais pessoas neste mundo dos chás, temos muito a conversar e beber!

    Grande beijo!
    Yuri

    ResponderExcluir

INSTAGRAM @chaarteevida

Escola de Chá Embahú

Comentários Recentes

Receba as atualizações por email

Este símbolo indica conteúdo em língua inglesa
♦♦ Este símbolo indica conteúdo em língua francesa
♦♦♦ Este símbolo indica conteúdo em língua japonesa
Este símbolo indica conteúdo em língua espanhola


Arquivo do blog

Siga-me!

InstagramFlickrFacebookFeed RSSFlickrTwitter Feed RSS
 
| Início | Sobre a Autora | Entre em Contato | Escola de Chá Embahú |

Design e Fotos por Yuri Hayashi.
"Chá & Poesia" - Todos os direitos reservados, 2008®, 2009®.
"Chá, Arte e Vida!" - Todos os direitos reservados, de 2010® a 2016®.